terça-feira, 11 de agosto de 2015

Após denúncia, Polícia Civil encontra local que servia para rinha de galos

Após denúncia, Polícia Civil encontra local que servia para rinha de galos


Na chácara, na área rural de Itapulândia, estavam 23 galos e oito frangos.
Dono do local vai responder por maus tratos e por promover rinha de galos.


Um homem, de 74 anos, foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil suspeito de promover rinha de galos em Itaipulândia, no oeste do Paraná. Os policiais chegaram até a chácara, onde os animais estavam, após um denúncia anônima.
Na chácara havia estrutura para crianção e rinha (Foto: Polícia Civil/ Divulgação)
Na chácara havia estrutura para crianção e rinha
(Foto: Polícia Civil/ Divulgação)
Na chácara, que fica na Linha Progresso, os policiais encontraram estruturas típicas para criação e para rinha de galos, conforme a polícia.
No local, foram encontrados 23 galos e mais oito frangos. Segundo a polícia, todos eram usados nas competições.
O proprietário da chácara entregou aos policiais acessórios e medicamentos usados para o fortalecimento dos animais.
Ele assinou um Termo Circunstanciado por maus tratos aos animais e por contravenção penal de jogo de azar – rinha de galos – e foi liberado. Também se comprometeu a cuidar dos animais, sob pena de prisão, caso não o faça..

Sem comentários:

Publicar um comentário