Estudante de direito é detido suspeito de caluniar a polícia em rede social 14 - 04 - 2016 - 14 - DE - ABRIL - 2016

Estudante de direito é detido suspeito de caluniar a polícia em rede social

Estão no mercado, na padaria, no bar pegando propina', disse na postagem.
Caso ocorreu em São Caetano; suspeito assinou um termo de compromisso.




Um estudante de direito foi detido na quarta-feira (13) suspeito de caluniar a polícia em uma rede social em São Caetano, Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, o homem de 25 anos postou a seguinte frase: "Cadê a ação preventiva da (...) polícia? Estão no mercado, na padaria, no bar pegando propina".

Ainda segundo a polícia, após tomarem conhecimento do fato, uma equipe da PM foi até a casa do estudante e o levaram para a delegacia do município. Como o delegado não estava no local, o suspeito assinou um termo de compromisso para prestar depoimento em outra ocasião e - em seguida - foi liberado, conforme informou a polícia.

Por telefone, o jovem - que não quis se identificar - informou ao G1 que foi "imputado pelos crimes de difamação, calúnia e desrespeito". "Quando citei [a polícia] na postagem, sem generalizar, estava claro e evidente que não me referia a todos", disse.
O estudante ainda ressaltou que se sentiu prejudicado com o ocorrido. "Eu estava estudando para uma prova quando fui abordado. Poderia ter tido um desempenho melhor [na prova], mas devido o fato de ir para a delegacia, não tive tempo de estudar", acrescentou.

A Polícia Civil vai decidir o que será feito com relação ao jovem. O caso deve ser acompanhado pelo delegado titular de São Caetano, Sylvio Romero.

Comentários