sexta-feira, 15 de abril de 2016

Terceirizado morre em Centro de Distribuição da Ambev, no Cabo

Homem caiu de 10,5 metros durante manutenção do teto de um galpão.
De acordo com a empresa, funcionário prestava serviços na unidade.

Um funcionário terceirizado que prestava serviços para a Companhia de Bebidas das Américas (Ambev) morreu, na manhã desta sexta-feira (15), em acidente no Centro de Distribuição Direta do Cabo, unidade que fica no Cabo Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife. Uma perícia inicial apontou que o homem fazia a manutenção do telhado quando caiu de uma altura de 10,5 metros. De acordo com a Ambev, o homem era funcionário da Dip Engenharia.
Segundo o perito criminal Sérgio Almeida, a perícia aponta que foi um acidente de trabalho. "Ele realizava a manutenção em um dos galpões que estocam bebidas da empresa. Nós agora vamos verificar se ele estava usando todos os equipamentos de proteção individual (EPIs) necessários para altura, se ele possuia habilitação para realizar tal serviço, e ainda se a empresa possuía EPIs coletivos", detalhou o perito.
Em nota, a Ambev informou que ele "prestava um serviço pontual" e que "no momento do acidente a companhia prestou toda a assistência necessária e está prestando assistência à família da vítima". O G1 procurou a Dip Engenharia, mas não conseguiu contato.
O corpo do funcionário foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML), no bairro de Santo Amaro, região central do Recife






Sem comentários:

Publicar um comentário