quinta-feira, 19 de maio de 2016

Homens armados interceptam Kombi e resgatam menores infratores

Dois internos da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) fugiram com a ajuda de três suspeitos na tarde de quarta-feira (18). De acordo com a Polícia Militar (PM), o resgate aconteceu enquanto os menores eram transportados em uma Kombi por três agentes socioeducativos.
Segundo a Funase, os menores eram internos do Centro de Internação Provisória (Cenip) do Recife e foram resgatados pelos suspeitos após saírem de uma audiência no Fórum de Ipojuca, também na RMR. Na ocasião, o juiz avaliaria se eles deveriam permanecer no Cenip ou se seriam absolvidos.

A audiência em questão foi de apresentação do caso dos dois jovens e a sentença seria proferida em uma segunda audiência. Um terceiro socioeducando que participou da sessão foi liberado pelo juiz e entregue à família. Os outros dois internos foram encaminhados de volta à unidade.

O juiz não solicitou escolta policial para acompanhar o veículo e os jovens de volta ao Centro e os menores seguiram acompanhados apenas pelos agentes socioeducativos. Os profissionais não têm porte de armas.
Durante o trajeto de Ipojuca até Recife, os três suspeitos anunciaram a ação em um trecho próximo ao Engenho Massangana, na zona rural do município do Cabo de Santo Agostinho, na RMR. Na Kombi, os agentes socioeducativos e o motorista do veículo cederam à investida e os jovens fugiram. Ninguém ficou ferido.

Após a interceptação, os agentes conseguiram identificar os números finais da placa do carro dos suspeitos e chegaram a acionar o serviço policial para que fossem feitas buscas na região. Entretanto, os suspeitos e os internos permanecem foragidos.