domingo, 29 de maio de 2016

Incêndio mata 17 pessoas em asilo na Ucrânia; dono do prédio é detido Fogo começou por volta das 4h, em edifício de dois andares perto de Kiev. Serviços de resgate conseguiram salvar 18 pessoas; cinco foram internadas

Incêndio mata 17 pessoas em asilo na Ucrânia; dono do prédio é detido
Fogo começou por volta das 4h, em edifício de dois andares perto de Kiev.
Serviços de resgate conseguiram salvar 18 pessoas; cinco foram internadas


Dezessete pessoas morreram neste domingo (29) no incêndio de uma residência para idosos em um vilarejo próximo a Kiev, na Ucrânia, informou o serviço de emergência do país.
O incêndio começou por volta das 4h em Litochky, a 37 km a nordeste de Kiev, em um prédio de dois andares no qual ficava uma residência temporária de idosos.
Havia 35 pessoas no prédio, e os serviços de resgate conseguiram salvar 18 pessoas. Cinco delas foram hospitalizadas com queimaduras de diferentes graus de severidade, segundo o serviço de emergência.
Em nota, o primeiro-ministro ucraniano, Volodymyr Groysman, afirmou que o fogo foi uma terrível tragédia que causou perdas irreparáveis e pediu imediata investigação do motivo.
O proprietário do edifício foi detido. Segundo a polícia, ele usava o local como um asilo para idosos e cobrava o equivalente a US$ 238 por mês dos residentes (cerca de R$ 850).
A polícia de Kiev abriu inquérito para apurar o incêndio e disse que há suspeita de violação da lei de segurança contra incêndios.

Sem comentários:

Publicar um comentário