quarta-feira, 25 de maio de 2016

“O DEPUTADO DIOGO FOI UMA PEÇA FUNDAMENTAL PARA QUE VIESSE SER RESOLVIDO TUDO ISSO”, AFIRMA PRESIDENTE DA AGTURCO

“O DEPUTADO DIOGO FOI UMA PEÇA FUNDAMENTAL PARA QUE VIESSE SER RESOLVIDO TUDO ISSO”, AFIRMA PRESIDENTE DA AGTURCO



 Após a reunião dos representantes dos Guias de Turismo Comercial e a Secretaria da Fazenda de Pernambuco (SEFAZ-PE), a reportagem do Agreste Notícia conversou com a presidente da Associação dos Guias de Turismo Comercial do Norte e Nordeste (AGTURCO-MA/PA), Shill Souza, que falou sobre o encontro e afirmou que as excursões dos estados do Maranhão, Pará e Piauí, que haviam suspendido viagens a Santa Cruz do Capibaribe e Toritama, voltaram a comprar no Moda Center e no Parque das Feiras.
 O resultado da reunião foi considerado como positivo para a presidente da AGTURCO, que destacou a importância do deputado estadual Diogo Moraes (PSB), para que a Secretaria da Fazenda e os chefes de excursões chegassem a um acordo.
 “O deputado Diogo foi uma peça fundamental para que viesse ser resolvido tudo isso, o pessoal do Moda Center através de Allan representando aquele centro. Mas graças a Deus tivemos um apoio muito grande e acredito que foi resolvido, pois entramos em um acordo em relação as carretas que foram apreendidas e abrimos graças a Deus uma negociação junto com a SEFAZ para resolver o problema de anos que Santa Cruz enfrenta”, pontuou.
 Shill Souza explicou que as cargas serão liberadas após o pagamento das multas que tiveram os valores reduzidos consideravelmente.
 Ainda de acordo com a entrevistada, a Associação estará participando de várias reuniões dentro de um mês, para acompanhar o processo da instalação do Expresso Cidadão da Moda no Moda Center Santa Cruz.
 “Será uma resolução feita em médio prazo, para ser revolvido logo, não vai demorar seis meses, um ano, nós só vamos parar quando for resolvido”, garantiu.
 A Presidente da AGTURCO reconheceu que o trabalho do SEFAZ é fiscalizar, mas, o que segundo ela, não justifica os valores abusivos que estavam sendo cobrados, já que as cargas apreendidas no Posto Fiscal de São Caetano seriam de roupas populares.
 “Eu não acredito que vá parar a fiscalização, mas será uma fiscalização normal, pois não tem como a SEFAZ parar de trabalhar. Mas após termos feito esse acordo e ele sendo concretizado, teremos condições de trabalhar”.
 Durante a entrevista, Shill afirmou que, tudo foi um erro coletivo, onde todos tiveram sua parcela de culpa, como também, todos tiveram participação nos resultados que foram alcançados com o acordo.
 “Todos tiveram sua contribuição, em especial o deputado Diogo, pois ele foi uma peça fundamental para nos ajudar e se dispôs durante o decorrer de dois meses, até que seja resolvido o problema, estaremos tendo constantemente reuniões com ele. Ele se dispôs a nos ajudar resolver o problema definitivamente, tanto ele como a Secretaria da Fazenda. Existe o interesse da parte de ambos para que isso seja resolvido e não exista mais esse tipo de constrangimento para ninguém”.
 No final da entrevista, a presidente Shill garantiu que a partir da próxima semana, as excursões dos estados do Maranhão, Pará e Piauí, voltarão a trabalhar em Santa Cruz do Capibaribe e na cidade de Toritama.
 “Volta tudo ao normal, já começamos a marcar as passagens e com fé em Deus, domingo teremos uma feira muito boa para ambos, tanto para os vendedores como para compradores”, concluiu.
Ouça a entrevista

:Do: Blog Agreste Notícia