segunda-feira, 9 de maio de 2016

Projeto oferece oficinas de fotografia para jovens de periferia do Recife Iniciativa Olhares da Rua pretende inverter estigma da exclusão social. Aulas começam na próxima terça-feira (10); a inscrição é de graça.

Projeto oferece oficinas de fotografia para jovens de periferia do Recife
Iniciativa Olhares da Rua pretende inverter estigma da exclusão social.
Aulas começam na próxima terça-feira (10); a inscrição é de graça.

Com o intuito de promover a inclusão social, o projeto Olhares da Rua – Eyes of the Street vem ao Recife pela primeira vez. A iniciativa, promovida pelo grupo Pé no Chão, oferece oficinas gratuitas de fotografia para adolescentes de 12 a 17 anos que moram nos bairros do Arruda, na Zona Norte da capital pernambucana, e em Santo Amaro, na área central. Os encontros vão ser realizados na sede da organização, em Campo Grande, na Zona Norte.

O projeto social procura inverter de forma criativa e lúdica o estigma da pobreza e da exclusão, possibilitando um ambiente de reflexão crítica acerca das realidades vivenciadas pelos participantes. Ministradas pelo professor Daniel Meirinho, as aulas começam na próxima terça-feira (10) e vão durar um mês. No encerramento, está prevista uma exposição aberta ao público com as imagens produzidas pelos alunos. Em outubro, a mostra deve ser feita em Londres.

Ao fim do curso, o projeto vai doar todo o equipamento fotográfico para o coletivo Gambiarra Imagens, que trabalha na promoção da comunicação comunitária e possui um acervo de gravações sobre a realidade das periferias da cidade. Quem tiver o interesse de participar deve se inscrever na sede do grupo Pé no Chão, na Rua Frederico Berenguer, em Campo Grande, ou entrar em contato com o telefone (81) 99998.9907.

Serviço:
Projeto Olhares da Rua - Eyes of the Street
Sede do Grupo Pé no Chão, Rua Frederico Berenguer, 599, Campo Grande
De 10 de maio a 10 de junho
Inscrição gratuita
Informações: (81) 99998.9907

Sem comentários:

Publicar um comentário