sábado, 4 de junho de 2016

Com chuvas na madrugada, Olinda registra alagamentos

Com chuvas na madrugada, Olinda registra alagamentos
Moradores reclamam da dificuldade de ruas escoarem água da chuva.
Apac havia emitido alerta de chuvas fortes na sexta-feira (3).




As chuvas que caíram na noite de sexta-feira (3) e na madrugada deste sábado (4) continuam causando transtornos aos moradores de Olinda, na Região Metropolitana do Recife. Ruas alagadas dificultam o deslocamento de pedestres e motoristas, como em Bairro Novo. Imagens enviadas pelo WhatsApp da Globo Nordeste mostram alagamentos nas ruas Manoel de Barros Lima, Coronel João Ribeiro, Pereira Simões e Maria Ramos.

De acordo com moradores do bairro, os alagamentos são constantes nessa área. "A gente enfrenta esse problema há muitos anos, mas, desde o mês passado, começou a piorar. Antes, a rua ficava cheia de água, mas secava horas depois. Agora passa mais de um dia para até o alagamento acabar", contou ao G1 a estudante Rafaella Carapeba, de 23 anos.




Moradora da Rua Manoel de Barros Lima, ela e a família possuem um estalecimento na mesma via e acabam sentindo em dobro os transtornos causados pelas chuvas. "Em plena sexta-feira, não pudemos abrir o nosso restaurante e também iremos deixá-lo fechado neste sábado, pois os clientes não conseguem descer do carro por conta de tanta água que tem na rua e na calçada", afirmou.

Na sexta-feira, a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) tinha renovado o alerta de chuvas moderadas a fortes na Região Metropolitana do Recife e nas Zonas da Mata Norte e Sul de Pernambuco. Olinda também apresentou alagamentos na segunda-feira (30), após chover 150 milímetros em três horas.

No início da semana, pedestres e motoristas tiveram dificuldades para sair de bairros como Ouro Preto e Bultrins devido ao alagamento de vias, como a Avenida Carlos de Lima Cavalcanti e a Rua Alberto Lundgren.




















Sem comentários:

Publicar um comentário