quarta-feira, 15 de junho de 2016

Policiais reclamam da estrutura do alojamento no São João de Caruaru

Policiais reclamam da estrutura do alojamento no São João de Caruaru
Pelo menos 100 PMs estão no alojamento, segundo Associação de Praças.
Buracos no teto e entupimento no esgoto estão sendo consertados, diz PM.


A Associação de Praças dos Policiais e Bombeiros Militares (Aspra) informou que há problemas de infraestrutura no alojamento reservado aos policiais militares que estão trabalhando no São João 2016 de Caruaru, Agreste de Pernambuco. De acordo com o diretor da entidade, Luciano Falcão, a quantidade de sanitários não é suficiente, o teto está danificado, os colchões são inapropriados e há gambiarras espalhadas pelo chão. Pelo menos 100 homens estão no espaço.
Teto está danificado no alojamento de policiais em Caruaru  (Foto: Divulgação/Aspra)
Teto está danificado no alojamento de policiais


em Caruaru (Foto: Divulgação/Aspra)
A assessoria da Polícia Militar disse - por meio de nota - que "no que diz respeito aos citados buracos no teto, constatou-se que foi ocasionado por uma ventania, cujo problema já está sendo sanado, bem como o entupimento na rede de esgoto". Sobre os colchões, a nota informa que os antigos foram recolhidos e não estavam sendo utilizados.
Ao G1, Falcão disse ainda que a diária dos policiais - de R$ 54 - não foi paga antecipadamente. Em nota, a PM afirmou que o valor foi estabelecido por meio de uma portaria publicada no dia 3 de junho de 2016. "Elas [as diárias] são reguladas por portaria governamental, no caso específico, Portaria Conjunta com as Secretarias der Administração, Fazenda e Defesa Social", informou a assessoria. A Polícia Militar detalhou que climatizadores estão sendo instalados no alojamento.

Segundo o diretor da Associação de Praças, os policiaisl reclamam que a água do chuveiro escorre para o dormitório. Sobre este problema, a quantidade de sanitários e as gambiarras, a PM não emitiu nenhuma resposta.
tópicos:
Caruaru

Sem comentários:

Publicar um comentário